Sábado, 13 de Janeiro de 2007

Depressão...

Pois é já ouviram falar nela, pois eu estou a senti-la na pele, este verão foi detectada já andava mais ao menos, uns dias melhores outros piores, mas nada de especial. Pois o problema agora é que estou muito pior, acho que nunca estive tão mal, acreditem.

Falei com um profissional muito fixe, um psicólogo e ele disse-me tudo, explicou-me o que se passava, ouviu-o sem problemas e falou comigo, como um amigo. De repente o teu médico torna-se num amigo, com que podes falar, contar os teus sentimentos, os teus sonhos, os teus desejos, os teus problemas e até aqueles pensamentos que jamais podes contar até a ti próprio, pois sabes que jamais sairá daquela sala para fora.

Fez-me testes, mandou-me escrever coisas, disse-me que eu neste momento vejo-me como a pior pessoa do mundo, mas disse também que gosta da forma como eu escrevo, que tenho futuro, sou directa, escrevo de uma forma verdadeira.

Mas estou mesmo mal, estou na pior fase desta maldita doença..., não tenho vontade de nada, não tenho vontade de viver, aborrece-me tudo, so me apetece estar sozinha, isolada até dos meus amigos, refugiar-me num mundo onde só eu existo, chorar sem motivo nem razões, horas e horas, falta de apetite, não conseguir dormir, mas apesar disso só estou bem deitada, desejo a noite como quem deseja o céu e só quero que a noite dure uma eternidade e finalmente quando chega a manhã só desejo que a noite volte novamente. As aulas são como estar no inferno, é um tormento ter que ir para lá, não posso ouvir barulho nenhum, tudo me dá irritação até ouvir pessoas a falar, meto o rádio no máximo para não ouvir o que se passa à minha volta, desatino e irrito-me com toda a gente e sem motivos, só me dá para gritar, culpo-me por tudo e por nada, sinto uma tristeza enorme e um vazio dentro de mim, só me apetece desaparecer e nunca mais voltar, peço para morrer mas Deus teima em não me querer levar.

Bem, tantos sentimentos que não consigo controlar e pergunto porquê isto me aconteceu, talvez tenha deixado os  pequenos problemas acumularem-se e a depressão tomou vida e evoluiu. O problema é que estou tão mal, que já tenho que tomar medicamentos, não são antidepressivos, mas é algo para tomar reacção, será que vai resultar??? Até agora não vi resultado algum.....!

Fiquem bem e não andem tristes, porque para triste basto eu.

Beijo Bel

 

publicado por Bel às 19:03
link do post | Deixa aqui o teu sentimento | favorito
|
1 comentário:
De Morrison a 2 de Fevereiro de 2007 às 11:39
Não vale a pena pensarmos sobre os problemas da vida, senão algo que é insignificante pode tornar-se num monstro e destruir completamente as nossas hipoteses de viver e projectar o futuro. O futuro....sim é nesse que devemos pensar, pois tal como todas as leis da vida tudo tem um rumo para a a frente e não para trás.

Beijos do mano!

Deixa o teu mel

.mais sobre mim

.Fevereiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.pesquisar

 

.posts recentes

. Noite!

. ...

. De volta

. ...

. ...

. Ele dorme...

. Tristeza... ela vem...

. Um sonho... um momento es...

. Esta...

. Quando se ama...

.Baú dos Segredos

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.tags

. todas as tags

.links

Caixa Postal