Sábado, 21 de Outubro de 2006

Amor verdadeiro....

   Depois de mais um dia sem saber o que fazer, ela vestiu o seu sobretudo, agarrou no guarda chuva e saiu sem rumo! Lá fora a chuva caia com intensidade e o vento teimava em não se calar,mas mesmo assim ela saiu sem ter ideia de onde iria parar aquele passeio! 

   Andou,durante mais algum tempo e deu por si a virar para a estrada oeste, mais alguns passos e estava em frente á porta dele...tocou à campainha e do outro lado ouviu uma voz meiga e meio ensonda: "quem está?", sou eu, posso entrar?" ," claro sobe que eu vou abrir ".

   Ela subiu! Cada passo que dava sentia-se cada vez mais nervosa, seria que ele ficaria contente por a ver assim de repente? O rosto dele iluminou-se ao vê-la, notava-se à distancia a sua felicidade! Ela olhou timidamente para ele e ao ver o seu rosto, os seus olhos começaram a brilhar de felicidade.

   Ele abraçou-a e deu-lhe um beijo caloroso e super apaixonado, queria que ela fosse dele para sempre, sem ter de partilha-lá com mais ninguém!

  - Será que te vim incomodar?

  - Como podes dizer isso, linda, estava à espera desta visita à horas.

  - Fiquei com medo de estares ocupado, não conseguia estar em casa e sai, então quando dei por mim, estava a caminha da tua casa.

  - Era o teu coração a encamihar-te para o local onde tu desejas estar.

 - Acho que sim, tenho feito os possiveis, mas ele teima em querer-te, e afinal de contas eu não posso fugir, pois eu quero-te como tu me queres. Acho que já não dá para fugir.

 - Já falamos, Amor e eu não sou como ele e tu melhor que ninguém sabes disso. Eu Amo-te e não farei nada que te possa magoar, percebes.

 - Eu sei e pensei muito em tudo o que se passou, também te Amo e quero ficar contigo para sempre.

 - Amo-te como nunca amei ninguém........

   Deram um beijo muito apaixonado, caindo nos braços um do outro ao som da chuva, como ela  sonhará com aquele momento, como ela confiava nele.

De repente a luz apagou-se, devido aos relampagos enormes que se ouviam lá fora ela abraçou-se a ele com tanta força!

 - Não me digas que estás com medo, disse-lhe a rir

 - Não gozes comigo sabes perfeitamente como tenho medo do escuro!

 - É verdade amor, tu és aquela pessoa que eu amo e que morre de medo de estar no escuro.

 - Imagina que eu não estava cá, o que farias. Hum aposto que correrias ao telefone para a mamã te proteger.

 - Sabes como gosto dela, mas acho que poderia correr para os braços fortes do homem que amo. 

 - E será que eu o conheço?

 - Acho que não, mas eu um dia apresento-te.

 - Dessa não me vou esquecer.

 - Claro está combinado

  Então deitou-a no chão e caiu em cima dela, protegendo-a com todo o seu corpo e dando-lhe o calor dos seus lábios! Despiu-a calmamente como se tivesse todo o tempo do mundo, beijou-a , acariciou-a e fez amor com ela pela primeira vez, com calma e sem pressa de  nada....

Foi estranho para ele, mas ao mesmo tempo tão bom, pois sentiu como se ambos fossem um só ser...algo de que apenas os apaixonados de verdade falavam. Mas senti-lo era perfeitamente divino, algo que não tinha palavras para ser descrito.

 Mas ela também o sentiu e descobriu que tinha feito amor pela primeira vez, algo que os amantes sentiam e mais ninguém. Ela necessitava saber se ele também o tinha sentido e teve vontade de partilhar com ele.......

 Descobriram que afinal, não estavam enganados, afinal eles agora era apenas um só! Aquele acto só serviu para perceberem que jamais poderiam separar-se. Necessitavam um do outro e voltaram e repetir, até perderem as forças e mesmo antes de cair no sono ela disse:

 - "Nunca mais terei medo do escuro"

 Ele riu-se e beijou-a apaixonadamente, agora sabia que jamais iria perde-la e adormeceram nos braços um do outro.

 

 

publicado por Bel às 23:25
link do post | Deixa aqui o teu sentimento | favorito
|
2 comentários:
De woman's secret a 24 de Outubro de 2006 às 16:49
Sem tempo até para correr contra o tempo...
Passei a correr mas não podia sair sem deixar votos de uma boa semana.
Beijos
De Lúcia a 25 de Outubro de 2006 às 04:58
Hum, que delícia de texto! Quando encontramos alguém que nos proteja é bom demais!!!! Ainda mais com chuva, fica mais romântico e gostoso...risos... beijos...

Deixa o teu mel

.mais sobre mim

.Fevereiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.pesquisar

 

.posts recentes

. Noite!

. ...

. De volta

. ...

. ...

. Ele dorme...

. Tristeza... ela vem...

. Um sonho... um momento es...

. Esta...

. Quando se ama...

.Baú dos Segredos

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

.tags

. todas as tags

.links

Caixa Postal